Após solicitação via COPOM - Central de Operações da Polícia Militar - para um apoio, a equipe do GPT - Grupo de Patrulhamento Tático - deslocou até a Avenida Minas Gerais, esquina com a Rua 37, Bairro Santa Luzia, região leste de Goianésia, onde um homem de 35 anos foi abordado.

Durante abordagem e busca pessoal, os policiais verificaram os antecedentes criminais suspeito e o número IMEI do aparelho celular que ele portava, um Moto Zoom One. Quanto ao aparelho, foi constatado que ele havia sido furtado em Caldas Novas na madrugada do dia 13 de outubro de 2.020, quando uma pessoa não identificada invadiu uma residência e além de levar o celular da vítima, que no momento do crime estava dormindo, levou ainda documentos, cartões de crédito e dinheiro.

Ao ser questionado, o suspeito disse à polícia que tinha adquirido o aparelho celular por R$ 300 em Caldas Novas, valor muito abaixo do valor de mercado. Diante dos fatos ele recebeu voz de prisão por receptação e foi levado para a Delegacia de Polícia de Goianésia para uma melhor averiguação.