Nesta sexta-feira, 26, policiais da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher - DEAM - realizou a prisão de um homem por ter descumprido uma medida protetiva de urgência. Ele preso por força de mandado de prisão preventivo.

Segundo a polícia, no momento do registro da ocorrência, a vítima relatou que o ex-companheiro possuía uma arma de fogo, assim, visando a proteção da mulher, a delegada responsável pelo caso, Poliana Bergamo, representou junto ao Poder Judiciário pela decretação da prisão preventiva e pela concessão de uma mandado de busca e apreensão.

Os pedidos foram prontamente atendidos pelo Poder Judiciário, e na sexta a Polícia Civil realizou buscas na residência do suspeito, porém, nenhuma arma de fogo foi encontrada. No entanto, o suspeito, que teve sua prisão preventiva decretada, foi encaminhado ao presídio local.

Para a delegada foi muito importante a vítima ter procurado a delegacia e informar o descumprimento da medida protetiva de urgência.