A Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher - DEAM - de Goianésia, com apoio da Divisão de Capturas, prendeu em flagrante nesta terça-feira, 21, um homem de 55 anos, após ele ter agredido e ameaçado de morte sua ex-companheira, de 53 anos.

A polícia explicou que a vítima manteve um relacionamento amoroso com o investigado por quatro anos, e que sempre foi agressivo, ciumento e possessivo. Em razão disso, no final de maio decidiu colocar um fim no relacionamento, momento em que foi ameaçada de morte pelo suspeito. Durante as ameaças, o homem disse a mulher “eu vou te matar, se você não for minha, não será de mais ninguém”.

Publicidade

Em relação aos fatos que resultaram na prisão, a vítima narrou que foi a antiga residência buscar alguns pertences e foi agredida fisicamente pelo ex-companheiro, que puxou seus cabelos, lhe desferiu chutes, bateu sua cabeça na parede e lesionou seu braço, além de novamente lhe ameaçar dizendo que havia vendido seu carro para comprar uma pistola para te matá-la.

Não satisfeito, de acordo com as investigações, o agressor ainda se apossou de uma faca e foi em direção a vítima, que conseguiu sair correndo da residência e acionar a Delegacia da Mulher.

A delegada responsável pelo caso, Poliana Bergamo, esclareceu que o suspeito deverá responder pelos crimes de lesão corporal, no âmbito da violência doméstica e familiar, e ameaça e injúria, com incidência da Lei Maria da Penha.



Fique bem informado, nos acompanhe em nossas redes sociais
Telegram
Instagram
Twitter
Facebook - Grupo
Facebook - FanPage
WhatsApp - Grupo