Homem é detido por furtar objetos em residência no Colina Park para quitar dívida com agiota - Imagem: Divulgação/PMApós informações a respeito de um furto ocorrido no início do mês no Residencial Colina Park, a equipe do Tático (SGT Santos, SD Roberto, SD Isaac e SD Henrique) realizou diligências na intenção de localizar o autor e os objetos do furto, quando nesta quarta-feira, a vítima entrou em contato relatando que possuía imagens do possível larápio e uma testemunha teria conversado com ele momentos antes do furto.

Diante das filmagens e do depoimento da testemunha, os policiais iniciaram patrulhamentos pela região e conseguiram localizar o suspeito nas proximidades de sua residência. Ao ser abordado, os militares perceberam que ele estava usado um relógio de pulso que havia sido furtado e ao ser questionado confessou ser o autor do furto alegando que havia cometido o crime por que estaria devendo a um agiota.

Objetos recuperados foram levados para a DP - Imagem; Divulgação/PMEm seguida informou que parte dos objetos estariam nas proximidades da estrada que liga Goianésia a região do Pica-Pau, escondidos em um pedaço de plástico preto em meio ao capim, sendo uma mochila de costas feminina, um notebook prata Lenovo e uma máquina de barbear com seus acessórios.

Ao ser perguntado sobre a TV AOC 32”, o suspeito, R. G. P., de 26 anos, relatou ter vendido em um pregão no Bairro São Cristóvão, deste modo a equipe deslocou até o local onde o dono do pregão confirmou ter adquirido a TV R$ 300, mas que já teria revendido, no entanto, se comprometeu em comparecer “a Delegacia de Polícia por meios próprios para prestar esclarecimentos e devolver a TV, dizendo que iria buscá-la na casa do comprador.

Diante dos fatos, o suspeito do furto foi conduzido para a Delegacia de Polícia ficando a disposição da autoridade policial para procedimentos cabíveis.