Vanderlei dos Santos Oliveira, de 22 anos, foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros de Goianésia por volta das 19h20 desta quarta-feira, 24, em estado bastante delicado. Segundo a corporação, no momento do atendimento a vítima apresentava extremidades cianóticas (coloração azul-arroxeada da pele), midríase (pupilas dilatadas), boca espumando, sudorese intensa e convulsionando.

A vítima seria moradora de Niquelândia e foi atendido na casa de um tio na Rua 42, Bairro Nova Fíica, região oeste de Goianésia. O tio relatou à Polícia Militar que o sobrinho havia sido vítima de sequestro e cárcere privado por volta das 14h00 nas proximidades da rodoviária de Niquelândia. Os sequestradores teriam lhe tomado R$ 500 e o obrigado a ingerir uma substância de cor escura que o fez vomitar e escurecer a boca e as mãos.

Publicidade

As informações dão conta ainda que dois bandidos teriam rendido a vítima utilizando uma arma de fogo e em seguida o obrigou a entrar em um veículo de cor escura. Após a ação criminosa o deixou em Goianésia.

Vanderlei foi deixado sob os cuidados médicos na Unidade de Pronto Atendimento - UPA - onde foi entubado. Após ser regulado, ele foi encaminhado em estado grave para uma UTI de Ceres.