Um policial militar foi preso na madrugada deste domingo, 17, em horário de serviço, após ter sido flagrado nu em um prostíbulo na cidade de Jataí, região Sudoeste de Goiás. Conforme consta o Registro de Atendimento Integrado - RAI - o militar havia deslocado ao local, juntamente com um soldado, para averiguar denúncia da existência de uma arma de fogo na boate.

Durante a averiguação, o sargento começou a ingerir bebida alcóolica, se envolveu sexualmente com uma profissional, e se recusou a ir embora. Inclusive, o sargento teria usado de sua graduação para ordenar ao soldado que o acordasse às 06h00, no entanto, o policial entrou em contato com o CPU que comunicou o fato ao Comandante.

Posteriormente, seguindo orientação do Comandante, o efetivo policial deslocou à boate onde se deparou com o sargento no quarto, nu, junto com a profissional. O fardamento e o armamento do militar se encontravam no chão.

Diante do flagrante e após um breve diálogo com um tenente, o sargento vestiu seu fardamento, saiu do quarto, e além de ter seu armamento recolhido, foi preso.