Armas utilizadas na ameaça - Imagem: Divulgação/PMUma mulher de 23 anos passou momentos de terror nas mãos de seu ex-namorado, de 31 anos, na noite desta quarta-feira, 22. Sob a mira de duas facas, a jovem foi mantida em cárcere privado em um quarto de motel na região de Barro Alto, no entanto, foi resgatada por policiais militares do 23º Batalhão da Polícia Militar evitando assim mais um feminicídio na cidade, uma vez que, segundo a vítima, todo tempo que ficou confinada em poder do ex foi ameaçada com facas, além dele efetuar um disparo em sua direção durante o trajeto.

Segundo a polícia, por volta de 22h37, a Central de Operações da Polícia Militar - COPOM - de Barro Alto foi informada de um desentendimento entre um casal no Bairro Alfredo Sebastião, porém, chegando ao local, os policiais foram informados por um homem de 34 anos que sua irmã havia sido sequestrada pelo ex-namorado, usando de violência e grave ameaça para levá-la coercitivamente. O suspeito teria utilizando uma arma de fogo, e ainda teria atirando contra o ex-cunhado no momento em que ele tentou socorrer a irmã, mas, não foi atingido.

Diante da situação, a guarnição de Barro Alto solicitou apoio de duas equipes de Goianésia, entre elas, o Grupo de Patrulhamento Tático - GPT, e iniciaram patrulhamentos em toda região de Barro Alto com o intuito de localizar os envolvidos.

Instantes após, a polícia recebeu denúncia anônima informando que supostamente o suspeito teria adentrado num motel, às margens da rodovia, próximo a cidade, assim sendo, os policiais deslocaram até o motel, fazendo contato com a funcionária do local e após ter a entrada franqueada fizeram um adentramento tático e realizaram o cerco, tomando toda a cautela que o casa requeria.

Minutos depois, o suspeito pediu a conta do seu quarto para a funcionária, momento em que houve uma oportunidade para ação das equipes adentrarem ao quarto e conseguirem salvar a mulher, entretanto, no momento do adentramento, o autor evadiu para a garagem do quarto, saindo por um portão aos fundos e pulou o muro. Os PM’s bem que fizeram o acompanhamento a pé para captura-lo, mas ele conseguiu se embrear numa mata ao lado do estabelecimento e evadiu-se tomando rumo incerto.

Após salvar a vítima do sequestro, os policiais apreenderam o carro (Monza prata) do suspeito e a arma de fogo utilizada por ele, além de 20 munições calibre 22 intactas e duas facas, também utilizadas para ameaçar a vítima. Já a mulher foi encaminhada para o Hospital Municipal de Barro Alto com vários hematomas pelo corpo, provocados durante agressões.

Munições também foram apreendidas - Imagem: Divulgação/PM

A Polícia Civil deverá investigar o caso.