Brasil (Metrópoles) - Mantendo-se na dianteira da corrida pela Presidência da República em 2022, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) levaria a disputa já no primeiro turno, se as eleições fossem hoje, com 48% dos votos. É o que indica pesquisa realizada pela Inteligência em Pesquisa e Consultoria - Ipec - e divulgada nesta quarta-feira, 22.

O levantamento mostra o petista com 25 pontos percentuais à frente de seu principal adversário, o atual presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que, segundo o Ipec, aparece com 23% das intenções de voto dos brasileiros.

Veja:
- Luiz Inácio Lula da Silva (PT): 48%
- Jair Bolsonaro (sem partido): 23%
- Ciro Gomes (PDT): 8%
- João Doria (PSDB): 3%
- Luiz Henrique Mandetta (DEM): 3%
- Brancos / Nulos: 10%
- Não sabem / Não responderam: 4%

Em relação à pesquisa anterior, de junho, Lula mantém 11 pontos percentuais a mais do que a soma de todos os seus possíveis adversários, o que o levaria a vencer no 1º turno.

Lula também liquidaria a fatura no primeiro turno se outro arquiinimigo seu, o ex-juiz da Lava Jato e ex-ministro da Justiça de Bolsonaro Sergio Moro, estivesse na disputa. O algoz do petista teria 5% dos votos, atrás de Bolsonaro (22%) e Ciro Gomes (8%).

Confira:
- Lula: 45%
- Bolsonaro: 22%
- Ciro Gomes: 6%
- Sergio Moro: 5%
- Datena: 3%
- João Doria: 2%
- Mandetta: 1%
- Rodrigo Pacheco: 1%
- Alessandro Vieira: 0%
- Simone Tebet: 0%
- Brancos/nulos: 9%
- Não sabe/não respondeu: 5%

Neste cenário, Lula estaria no limite da margem de erro para vencer já no primeiro turno se as eleições fossem hoje.

Metodologia
O levantamento do Ipec foi feito de 16 a 20 de setembro e ouviu 2.002 pessoas em 141 municípios. A margem de erro é de 2 pontos para mais e para menos. O nível de confiança é de 95%.

O Ipec foi criado por ex-executivos do Ibope Inteligência após o seu encerramento. O novo instituto de pesquisa atua na área de consultoria e inteligência em pesquisas de mercado, opinião pública e política.