Leozão e Aparecido Costa terão o apoio de Renato de Castro para disputarem a prefeitura de GoianésiaAs convenções municipais do MDB de Goianésia na manhã desta quarta-feira, 16, escolheu o advogado Pedro Gonçalves como candidato a prefeito. Mesmo sendo derrotado naquilo que ele chama de “rasteira” dentro do próprio partido, o prefeito Renato de Castro não abaixou a cabeça e promete lutar até o fim pelo direito de ser candidato à reeleição, no entanto, já possui um Plano B.

“Se eu não conseguir reverter em Goiânia até amanhã, se esta rasteira se consumar de verdade, nós vamos apresentar o Leonardo Menezes, meu primo, neto do fundador de Goianésia, filho do Zeca, partido do Governador, como opção pra dar continuidade neste processo, como candidato a prefeito, e o nosso grande Aparecido Costa, presidente do PTB, um cara que tem a cara da nossa gestão, todo mundo sabe que o PTB é um partido aliado, que o Aparecido compõe o nosso grupo político a mais de 10 anos, será o nosso candidato a vice-prefeito”, pontuou Renato de Castro.

De acordo com o prefeito, é a maneira encontrada para dar à população de Goianésia uma opção de voto, dizendo que na democracia não se pode juntar todos os lados de um lado só. “As pessoas têm que ter opção. Não se pode juntar tudo de um lado só, se não, não é democracia. Então é um projeto que vai representar a continuidade do nosso projeto dentro da prefeitura. Está aqui lançado Leonardo Menezes, prefeito de Goianésia, e Aparecido Costa, vice-prefeito de Goianésia”.

Até o presente momento, a chapa Leonardo Menezes (DEM), o Leozão, e Aparecido Costa (PTB), irá disputar a prefeitura com Pedro Gonçalves (MDB) e Marco Antônio Maia (PSDB). Pode ainda aparecer outras três chapas. Emerson da Autovip (PP), Carlos do Itapuã (PT), e Gibrail Elias (PTC). O PSD, de Antônio Otoni ainda não decidiu os rumos do partido.

O prazo para fechamento de ata dos partidos que realizaram as convenções se encerram amanhã.