As convenções municipais dos partidos políticos visando as eleições do dia 15 de novembro estão tomando rumos históricos em Goianésia. Até aqui, apenas dois partidos definiram de fato como caminharão nas eleições deste ano.

O MDB pela primeira vez na história de Goianésia irá compor chapa com o PSDB, desta forma, como as conversas de bastidores mostravam, o prefeito Renato de Castro não conseguiu emplacar sua candidatura à reeleição e dará lugar a Pedro Gonçalves que terá como vice o delegado Marco Antônio Maia.

Por meio de uma videoconferência, ao final da convenção em Goiânia, Pedro entrou ao vivo e falou na convenção do PSDB que estava sendo realizada em Goianésia. Cumprimentou os líderes do partido e o seu vice Marco Antônio conclamando-o a enfrentar os desafios e superar o ciclo do atraso e do ódio.

As conversações prosseguem até esta quinta-feira, 17, até mesmo para tentar aglutinar outros partidos, mas uma coisa já está sacramentada: MDB e PSDB vão disputar juntos a prefeitura de Goianésia.