Nesta quinta-feira, 07, um homem de 45 anos precisou dar entrada no Hospital Municipal Irmã Fanny Duran (HMG), depois de ser agredido com golpes de faca. O suposto agressor era colega de trabalho em uma construção civil na Rua 26, Bairro Carrilho, região oeste de Goianésia, e a confusão teria ocorrido devido um desentendimento por causa de um isqueiro.

Com os ânimos exaltados por causa da discussão envolvendo o isqueiro, o servente, de 23 anos, se apossou de uma faca e partiu pra cima do pedreiro, desferindo-lhe dois golpes nas costas. Bastante alterado, o servente foi desarmado pelo proprietário da obra, após intensa negociação.

O texto da publicação continua após a publicidade

Socorrido por terceiros, o pedreiro foi levado para o HMG, onde recebeu atendimento médico. Já o suspeito não foi encontrado pela polícia.