Uma equipe da Polícia Militar foi acionada durante um patrulhamento no Parque de Exposições Agropecuário, em Goianésia, sendo informada por uma testemunha que havia presenciado um rapaz de 23 anos importunando sexualmente uma menina de 12 anos. Diante da gravidade do ocorrido, a equipe policial agiu prontamente para garantir a segurança da vítima e conduzir o autor para as devidas providências legais.

A vítima relatou aos policiais que, enquanto ela e o suspeito estavam próximos à roda gigante, ele teria começado a tocar lascivamente seu corpo, especificamente em suas nádegas. A jovem estava visivelmente abalada com o ocorrido, e chorava bastante. Diante dos fatos relatados pela vítima e das evidências apresentadas, a equipe policial conduziu os envolvidos até a Delegacia de Polícia Civil para que as devidas providências legais fossem tomadas.

O texto da publicação continua após a publicidade

É importante ressaltar que a importunação sexual é crime previsto na legislação brasileira, estabelecido pela Lei nº 13.718/2018, que prevê uma pena de de até cinco anos de reclusão, e tem como objetivo coibir práticas que atentam contra a liberdade sexual e a dignidade das pessoas. A denúncia e o encaminhamento dos envolvidos às autoridades competentes são fundamentais para que esses casos sejam investigados e punidos de acordo com a lei, promovendo a justiça e a proteção dos direitos das vítimas.