Divulgação/Polícia CivilA Polícia Civil de Goiás, por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas (Decar), deflagrou, na manhã desta quinta-feira, 11, a Operação Soja Segura, para cumprimento de quatro mandados de prisão em Itumbiara, no sul goiano, contra membros de organização criminosa que rendia motoristas de caminhão e desviava cargas de grãos. Além desses, um mandado, oriundo da investigação em Goiás, foi cumprido em São Paulo, com o apoio da Polícia Civil paulista.

De acordo com a delegada Alessandra Batista, titular da especializada, o grupo rendia os motoristas em postos de combustíveis e, em seguida, os levava para cativeiro em Itumbiara, onde eram mantidos por até dois dias, enquanto a carga seguia para destino divergente do original. Depois, abandonavam o profissional em outro ponto, geralmente uma cidade do interior goiano.

O texto da publicação continua após a publicidade

Além dos membros que abordavam os motoristas com violência e uso de armas e os que transportavam as vítimas até o esconderijo, foram presos os responsáveis pelo cárcere, entre eles uma mulher que dava mantimentos aos reféns.