Divulgação/Polícia CivilA Polícia Civil de Goiás, por meio do Grupo Antissequestro da Delegacia de Investigações Criminais (GAS/Deic), cumpriu nesta última terça, 02, nas cidades de Brasília (DF) e Águas Lindas (GO), três mandados de busca e apreensão em endereços relacionados a dois investigados pela prática de extorsão em desfavor de um prefeito de Goiás.

Segundo o inquérito policial, os investigados teriam exigido de um prefeito de município em Goiás, a disponibilização de R$ 6 milhões e dois cargos em comissão, a pretexto de não difundirem um suposto dossiê.

O texto da publicação continua após a publicidade

Durante o cumprimento dos mandados de busca e apreensão, foram apreendidos diversos dispositivos informáticos e documentos relacionados, que serão imprescindíveis para a conclusão das investigações.