Divulgação/Polícia CivilA Polícia de Goiás, por meio da Delegacia de Mozarlândia, prendeu, nesta quinta, 04, um homem investigado por incendiar a residência de uma mulher com quem teria tido um breve relacionamento. A casa foi incendiada no dia 24 de abril, e o suspeito estava foragido desde então. Ele foi capturado quando tentava um novo encontro com a vítima.

Segundo o delegado Ricardo Barros, a vítima procurou a polícia alegando que o indivíduo com quem tinha tido um relacionamento, motivado por ciúmes, teria incendiado sua casa, queimando praticamente todos os móveis da residência e causando prejuízo substancial, deixando o imóvel completamente inutilizável.

O texto da publicação continua após a publicidade

Durante investigações, foram obtidas imagens de vídeo que mostram o investigado adentrando o quintal da residência da vítima no momento do crime. Alguns minutos depois, já é possível perceber a existência de fogo no local, atingindo labaredas de muitos metros de altura.

Durante as buscas, a Polícia Civil descobriu que o homem havia evadido de sua casa, deixando pra trás todas as suas roupas, já dentro de malas e mochilas, o que denotava uma intenção de fugir da cidade. Além disso, o investigado não mais retornou ao seu emprego, tendo faltas desde então, o que aumentava os indícios de autoria e risco de fuga.

Por estas razões, a autoridade policial requereu a prisão preventiva do investigado, deferida pela Justiça.