A Polícia Civil de Goiás, por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Consumidor (Decon) deflagrou, na quarta-feira (1º), em ação conjunta com Vigilância Sanitária de Goiânia, mais uma etapa da “Operação Olho Vivo”, com o objetivo de apurar uma série de denúncias recebidas pela especializada, que relatavam péssimas condições de higiene e dos produtos oferecidos em estabelecimento situado no Setor Aeroporto, na capital, voltado à mercância de carnes, panificados e produtos em geral.

Durante a ação, as equipes verificaram que as condições de saneamento estavam em desacordo com as requisitadas na legislação. Nas gôndolas do supermercado, foram encontrados e apreendidos aproximadamente 100 quilos em produtos alimentícios inapropriados ao comércio/consumo, bem como produtos com data de validade já vencida. Assim sendo, as medidas administrativas necessárias foram tomadas pelo órgão de fiscalização competente.

O texto da publicação continua após a publicidade

Foi instaurado inquérito policial a fim de apurar o ônus criminal dos envolvidos, visando à devida responsabilização penal.



Fique bem informado, nos acompanhe em nossas redes sociais
Telegram
Instagram
Twitter
Facebook - Grupo
Facebook - FanPage
WhatsApp - Grupo