Divulgação/Policia CivilA Polícia Civil do Estado de Goiás, por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra a Administração Pública (Dercap), concluiu investigação que apurou uma série de crimes cometidos no curso da contratação e fornecimento de combustíveis para o município de Santa Cruz de Goiás. Após informações prestadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), a delegacia especializada iniciou investigações que constataram uma série de irregularidades na aquisição e consumo de combustíveis para a frota municipal em período anterior a 2020.

Dentre as ilegalidades que materializaram crimes licitatórios, estão a ausência do devido procedimento licitatório para a contratação e prorrogação de contratos de postos de combustíveis, a falta de controle das despesas com pagamentos antes de comprovados os abastecimentos e até mesmo o abastecimento de veículos particulares. Ao término da investigação, os autos foram encaminhados ao Poder Judiciário com indiciamento de ex-gestores do município e uma empresária pelos crimes de peculato, associação criminosa, fraude em licitações e crime de responsabilidade de Prefeito, assim como o sequestro, já deferido pelo Juízo, do valor de R$ 561.047,60 (quinhentos e sessenta e um mil, quarenta e sete reais e sessenta centavos), prejuízo ao erário que foi constatado somente durante o período de um semestre.



Fique bem informado, nos acompanhe em nossas redes sociais
Telegram
Instagram
Twitter
Facebook - Grupo
Facebook - FanPage
WhatsApp - Grupo