Concerto terá a participação da solista mirim Stella Pelosini, de apenas 13 anos. A regência ficará a cargo do maestro ítalo-brasileiro Alessandro Borgomanero

Primeiro concerto do ano da Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás (OSJG) será nesta quinta-feira (16/02), no Teatro Escola Basileu França com entrada franca. Foto: SediA Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás (OSJG) realiza, nesta quinta-feira, 16, a abertura da temporada de 2023. O primeiro concerto será realizado no Teatro Escola Basileu França, às 20h, com participação da solista mirim Stella Pelosini, de apenas 13 anos. A regência ficará a cargo do maestro ítalo-brasileiro Alessandro Borgomanero e a entrada é franca.

O texto da publicação continua após a publicidade

Com um repertório diversificado, a abertura será com o concerto para piano nº 23 de Mozart. Na sequência, uma seleção de suítes e aberturas de várias óperas, dentre elas Nabucco (Verdi), Carmen (Bizet), Bodas de Fígaro (Mozart) e Cavaleria Rusticana (Mascagni).

“A ideia desse repertório é achar algo que seja muito interessante da orquestra tocar e, ao mesmo tempo, pedagógico em relação à liberdade rítmica e de fraseado que a ópera permite fazer. Vai ser um programa bacana para o público escutar porque são melodias lindíssimas e muito conhecidas”, explica o maestro Alessandro Borgomanero.

Segundo Alessandro, a grande estrela da noite será a jovem pianista Stella Pelosini. “Ela tem apenas 13 anos de idade e vai nos presentear com a abertura desse concerto. É sempre muito bom ver crianças altamente talentosas se dedicando à música clássica”, completa.

Temporada 2023
O coordenador dos Grupos Sinfônicos da Escola do Futuro de Goiás (EFG) em Artes Basileu França, Eliel Ferreira, conta que, além das ações em hospitais, escolas e no interior do Estado, estão previstos concertos diversificados na temporada 2023. “Para esse ano, a Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás terá balés, concurso de jovens solistas e até musical”. A OSJG é um projeto mantido pelo Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento e Inovação (Sedi) em parceria com a EFG em Artes Basileu França.



Fique bem informado, nos acompanhe em nossas redes sociais
Telegram
Instagram
Twitter
Facebook - Grupo
Facebook - FanPage
WhatsApp - Grupo