Pai é preso suspeito de estuprar a própria filha, em Corumbá de Goiás — Foto: Divulgação/Polícia CivilUm pedreiro de 42 anos foi preso suspeito de estuprar a própria filha, de 16, em Corumbá de Goiás, na região central do estado. De acordo com a delegada Aline Lopes, para cometer o crime, o homem ameaçava bater na filha quando a esposa saía para trabalhar.

“Quando a mãe avisou que viajaria e que deixaria a menina com o pai, ela ficou desesperada, pedindo para a mãe não ir, e criou coragem para contar dos abusos, que segundo ela, aconteciam há um ano”, detalhou a delegada.

O texto da publicação continua após a publicidade

A prisão aconteceu na terça-feira, 17, e segundo a delegada, a denúncia foi feita pela mãe da adolescente, que contou que a filha teve uma mudança severa no comportamento e tinha chegado a se cortar. De acordo com a polícia, durante o interrogatório formal, o suspeito permaneceu em silêncio.

Durante a abordagem, o suspeito apresentou diferentes versões para se justificar, conforme divulgado pela delegada.

“Inicialmente, ele apresentou versões contraditórias para tentar explicar os elementos colhidos durante investigação, como a presença de esperma nas roupas da vítima”, disse a delegada.

Após o cumprimento do mandado de prisão preventiva, o suspeito foi encaminhado à Unidade Prisional de Corumbá. A delegada explicou que o homem vai responder pelo crime de estupro qualificado, com pena de até 14 anos de prisão.



Fique bem informado, nos acompanhe em nossas redes sociais
Telegram
Instagram
Twitter
Facebook - Grupo
Facebook - FanPage
WhatsApp - Grupo