Mais de 8 mil animais - 8.109, entre cães e gatos, mais precisamente - foram vacinados, neste sábado, 10, no Dia D de Vacinação Contra a Raiva, em Goianésia, nos 15 pontos de imunização distribuídos pela cidade.

Chamados para o Dia D pela Prefeitura Municipal, milhares de donos levaram seus cães e gatos para vaciná-los contra a doença, que pode atingir tanto animais quanto humanos.

O texto da publicação continua após a publicidade

São imunizados contra a raiva os bichos acima de três meses de vida. Em Goianésia, a vacinação foi das 08h00 às 16h30, em quase todos os postos de vacinação do município, à exceção da Unidade de Saúde da Família Maria Piedade, do Bairro Vera Cruz, que passa por reforma geral em sua estrutura.

Segundo a coordenadora municipal de Imunização, Ana Raquel Pereira Severino Faquini, Goianésia tem, hoje, dentre cães e gatos, população estimada de 11.988 animais - são 10.899 caninos e 1.089 felinos. Do total, foram vacinados, no Dia D, 7.443 cães e 666 gatos.

“Ficamos muito próximos da meta, que era atingir 70% da população estimada de cães e gatos”, afirmou Ana Raquel, dizendo que doses da vacina continuam disponíveis, em três postos de saúde, para os donos dos bichos que, no entanto, fora do Dia D de Vacinação Antirrábica, terão de administrar as doses em casa ou em estabelecimentos veterinários.

As vacinas para os pets estão disponíveis para retirada, de segunda a sexta-feira, das 07h30 às 16h00, nas salas de vacina da Unidades Básicas de Saúde Dr. Arturo Bermudez Mayorga (Rua 33, Centro); Pedro Miguel de Oliveira (Avenida Contorno, Bairro Nova Aurora) e Vadelícia de Souza Santos Amorim (Rua 10, Bairro Amigo).

O Dia D
Pelos números apurados, foram vacinados 67,6% do total dos animais estimado no município. Se avaliados separadamente, 68,3% dos cães e 60,6% dos gatos foram imunizados no Dia D em Goianésia, percentuais bem próximos do desejado.

“A estratégia este ano foi abrir de fato todas as unidades para que a vacinação ficasse mais acessível à população. Daí, muitos donos procuraram as unidades mais próximas de suas residências e vacinaram os seus animais”, disse Ana Raquel.

Quem procurou os locais de vacinação não enfrentou fila. Mas o fluxo não parou, o dia todo. Muitos aproveitaram o horário de almoço, quando as unidades permaneceram abertas, no sábado. “A procura foi boa, os donos trouxeram os animais e nós atingimos a nossa expectativa”, comemorou Ana Raquel.



Fique bem informado, nos acompanhe em nossas redes sociais
Telegram
Instagram
Twitter
Facebook - Grupo
Facebook - FanPage
WhatsApp - Grupo