A Polícia Civil de Piracanjuba, cumpriu mandado de prisão temporária em desfavor de um homem de 46 anos, investigado pelo crime de estupro de vulnerável de sua sobrinha, atualmente com 11 anos de idade.

Após receber denúncia anônima, a Polícia Civil iniciou as investigações, constatando que a menor vinha sendo violentada pelo seu próprio tio desde a metade do ano de 2021, quando possuía apenas 10 anos de idade. Os atos de violência cessaram apenas no início deste ano, quando a família da vítima mudou de residência.

O texto da publicação continua após a publicidade

De acordo com as investigações, o autor frequentava diariamente a residência da vítima sob o pretexto de visitar uma parente acamada. Os abusos ocorriam sempre que ficava a sós com a menor. Para garantir a sua impunidade, oferecia pequenas quantias em dinheiro, e, por fim, passou a ameaçá-la caso contasse para alguém.

Em interrogatório o autor confessou os atos sexuais, mas alegou ter sido seduzido pela menor, então com 10 anos. O investigado não possui antecedentes criminais e já se encontra recolhido na Unidade Prisional de Piracanjuba.



Fique bem informado, nos acompanhe em nossas redes sociais
Telegram
Instagram
Twitter
Facebook - Grupo
Facebook - FanPage
WhatsApp - Grupo