Imagem: Divulgação/Polícia CivilNa noite deste sábado, 09, após denúncia, a Polícia Civil de Goianésia encontrou alguns explosivos à beira de uma estrada vicinal próximo ao Viveiro Calção de Couro, região após o Aeroporto da cidade. Com ajuda de colaboradores, policiais civis conseguiram encontrar os explosivos que são utilizados por criminosos para explodir caixas eletrônicos de bancos.

A polícia chegou aos explosivos após confirmação de que um goianesiense estava entre os 07 suspeitos de integrarem uma quadrilha especializada em explosões de caixas eletrônicos, mortos durante confronto com a ROTAM - Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas - na cidade de Três Ranchos, logo os policiais civis receberam informações de que aqui em Goianésia havia explosivos escondidos num matagal. Baseado nas informações dos denunciantes, a polícia realizou diligências e encontrou o material em meio ao mato.

Imagem: Divulgação/Polícia CivilApós análise superficial e a confirmação de que realmente se tratava de explosivos, de imediato foi solicitada a vinda de uma equipe do GT3 - Grupo Tático da Polícia Civil - especializada em manuseio de explosivos, que estiveram no local e conseguiram remover todo material explosivo para a sede do GT3 em Goiânia.

De acordo com a polícia, as investigações agora prosseguem no intuito de identificar a origem do material encontrado, e se realmente tem ou não ligação com a quadrilha especializada em roubo a banco, morta em Três Ranchos.

Imagem: Divulgação/Polícia Civil