As forças policiais de Goianésia ainda estão fechando os números do período de carnaval na cidade. Apesar de estar sendo considerado um carnaval tranquilo, com nenhuma ocorrência de vulto registrada, alguns números chamam atenção, pelo menos no que diz respeito ao trânsito.

De sexta-feira, 09, até esta terça, 13, ao menos 10 acidentes de trânsito foram registrados, sendo 02 com vítimas e 08 sem vítimas. O número pode ser considerando pequeno, uma vez que nestes dias a cidade recebeu milhares de turistas, porém, no decorrer da semana, estes dados podem aumentar quando o expediente administrativo da Polícia Civil normalizar. Outros acidentes podem ter ocorrido e como não houve vítimas, as pendências foram resolvidas no local pelos envolvidos.

No sábado, 10, por volta de 10h34, um acidente envolvendo dois veículos de passeio na Rua 29, Centro, deixou duas pessoas feridas. Elas reclamavam de dores nas pernas e foram conduzidas para a Unidade de Pronto Atendimento - UPA - após receberem os primeiros socorros do Corpo de Bombeiros. Os veículos foram liberados no local por estarem com suas documentações em dias.

Mas a ocorrência que chamou a atenção ocorreu nesta terça-feira, 13, na Rua 15 Norte, Bairro Nova Fíica, onde uma pessoa além de ficar ferida ainda foi agredida. De acordo com o Registro de Atendimento de Urgência - RAI - Paulo Antônio Ferreira, de 25 anos, estava conduzindo uma Biz 125 preta pela Rua 15 no sentido norte/sul quando no cruzamento com a Rua do Caju abalroou com um Fox preto que evadiu do local sem prestar socorro e não foi identificado.

Após o abalroamento, quando a vítima ainda estava ao chão, Rafael Bezerra da Silva, de 24 anos, que estava em um bar nas proximidades, aproximou-se de Paulo Antônio e começou agredi-lo fisicamente com chutes na cabeça. Com uma garrafa na mão ainda o agrediu jogando-a e atingindo o braço de Paulo. Deste modo, a vítima foi conduzida para a UPA e posteriormente levada para a Delegacia de Polícia juntamente com o suposto agressor.