Imagem: Divulgação/Polícia CivilNa noite desta sexta-feira, 17, por volta das 21h00, a Polícia Civil realizou a prisão do cadeirante Joelson Borges Aguiar, o Lacraia, de 27 anos, e Jean Paulo Carneiro, de 18 anos, em mais uma batalha para vencer a incansável e árdua "guerra" contra o tráfico de drogas em Goianésia.

A operação que contou com o empenho dos novos policiais civis recentemente nomeados e que reforçaram o efetivo da Polícia Civil de Goianésia, foi realizada na Rua 13, Bairro Nova Fíica, desta vez tirando de circulação dois traficantes de drogas atuantes na região norte da cidade, sendo presos no exato momento em que um deles estava "picando" (fracionando) parte da droga.

Conforme divulgou a polícia, com os suspeitos foram encontrados e apreendidos dinheiro, celulares, balança, faca para cortar drogas, várias porções de tamanhos diversos de crack, maconha e cocaína, todas embaladas e prontas para ser vendidas no local que era considerado o mais movimentado ponto de vendas de drogas da região e frequentado por usuários de drogas suspeitos de envolvimento com crimes de furtos e de roubos a transeuntes ocorridos na cidade.

Imagem: Divulgação/Polícia CivilSegundo os policiais civis, a quantidade de drogas apreendida com os suspeitos é pequena se levar em consideração a grande aglomeração de usuários vista antes da prisão dos suspeitos. As buscas para encontrar outra parte da droga foram prejudicadas devido ao fato de ser à noite, a chuva e de que no fundo do imóvel tratar-se de um matagal.

De acordo com as investigações, Jean Paulo, a mando de Lacraia, buscou a droga apreendida em Jaraguá, e a adquiriu com um comparsa de um reeducando, já identificado, que cumpre pena no regime fechado no presídio daquela cidade.

Deste modo, Joelson e Jean foram autuados em flagrante delito pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico de drogas. Este foi mais excelente trabalho realizado por policiais civis que mesmo estando em horário de folga não medem esforços para tornar nossa cidade mais segura.

A polícia informou também que, Jean Paulo, quando menor cometeu vários atos infracionais equiparados a crimes de roubos, e a aproximadamente 04 anos Joelson Borges foi vítima de tentativa de homicídio o que fez com que ele se tornasse cadeirante. A dupla será agora encaminhada ao presídio local onde ficará a disposição do Poder Judiciário.