Victor e tatiele são suspeitos de latrocínio - Imagem: Divulgação/Polícia CivilApós receber a notícia de um roubo ocorrido na rodovia GO-230, próximo a cidade de Vila Propício, ocorrido na tarde desta quarta-feira, 04, onde um homem de 24 anos teve seu veículo, sua carteira, bem como outros pertences levados pelo bandido e ainda ser esfaqueado, a Polícia Civil de Goianésia mobilizou uma equipe de pelo menos nove policiais que de imediato deram início as investigações, e após incansáveis diligências, que percorreram noite adentro, conseguiram localizar os suspeito no distrito de Souzalândia, município de Barro Alto.

De acordo com a polícia, os suspeitos foram abordados quando adentravam em uma residência, e com o casal, identificados como Victor Ferreira Rosa, de 20 anos, e Veículo tomado em assalto foi recuperado pela polícia - Imagem: Divulgação/Polícia CivilTatiele Abadia Pereira Silva, de 18, foram encontrados alguns pertences da vítima, sendo que Tatiele Abadia ainda apresentava uma ferida recente causada por arma branca, que segundo a polícia, foi provocada pelo seu companheiro no momento em que desferia facadas na vítima, na ocasião do roubo.

Desta forma, foi dada voz de prisão ao casal, que resistiram com violência contra os policiais civis na tentativa de fuga, no entanto, foi frustrada pela equipe policial. Ao serem indagados, os suspeitos informaram que haviam jogado a carteira e as facas em uma mata, e indicou o local onde o carro havia sido escondido, uma mata a cerca de 4 km de Souzalândia.

A polícia informou também que o casal já estava tentando vender o veículo. Eles foram encaminhados para a Delegacia de Polícia de Goianésia, onde foi realizado o auto de prisão em flagrante pelo crime de tentativa de latrocínio e resistência. Victor, quando menor, praticou duas tentativas de homicídios, uma em Goianésia e outra em Luziânia, e é foragido do Centro de Internações de Menores de Luziânia.