Na noite desta quarta-feira, 01, dois goianesienses foram baleados no Conjunto Habitacional Filostro Machado, em Anápolis. Um morreu e outro foi socorrido pelo SAMU e levado para o Hospital de Urgências de Anápolis - HUANA. O crime foi registrado pela Polícia Militar por volta de 21h19 na Rua Valdomiro Borges Machado.

Segundo a polícia, quando os militares chegaram ao local se depararam com uma pessoa do sexo masculino, não identificada, caída ao solo com um capacete na cabeça e o rosto ensanguentado. De imediato foi solicitado a presença do SAMU que através de seu médico constatou o óbito por arma de fogo. O local foi isolado até a realização da perícia, em seguida o corpo foi recolhido pelo Instituto Médico Legal - IML.

Posteriormente, a vítima foi identificada como Leonardo Gonçalves, morador de Goianésia. Ele estaria na garupa de uma motocicleta conduzida por Jefter Augusto Silva, de 22 anos, também morador de Goianésia. Os dois foram baleados no mesmo instante, no entanto, Jefter Augusto foi encontrado na Rua PB 1, esquina com a PB 28,  Parque Brasília, com perfurações nas nádegas e nas pernas, provenientes de disparos de arma de fogo.

Jefeter relatou aos policiais que estava no Conjunto Habitacional Filostro Machado transportando Leonardo na garupa quando foram surpreendidos por disparos de arma de fogo. Ao serem atingidos, Jefter evadiu e deixou o amigo ferido no local que não resistiu e morreu.

Segundo a Polícia Civil de Goianésia, Leonardo Gonçalves, era investigado por homicídio, onde ele teria matado um adolescente de 15 anos na Avenida Pará, próximo à Rua 17, Bairro Carrilho, em 2011. Ele ainda era investigado por tráfico de drogas. Já Jefter possui passagens por furto, roubo, receptação e também era investigado por tráfico.