Justino Rodrigues dos Snatos, de 47 anos, foi morto em Luziânia (Foto: Divulgação/Polícia Civil) A Polícia Civil prendeu um jovem de 25 anos suspeito de matar o amigo de longa data Justino Rodrigues dos Santos, 47. Conforme a corporação, os dois estavam bebendo juntos quando se desentenderam, começaram a brigar e a vítima foi afogada em uma grande poça, em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal, na última quinta-feira (7). As informações são do G1 Goiás.

O delegado Maurício Passerini, responsável pelo caso, contou que o autor foi à delegacia, logo após o crime, e denunciou que encontrou seu amigo morto. No entanto, a Polícia Civil apurou que ele era o principal suspeito e o jovem acabou confessando.

“Ele procurou a polícia pedindo ajuda, que o amigo dele tinha sido morto por outra pessoa. Ele nos levou até o local do crime, muito ermo, uma situação estranha. Não tinha como ele ter as informações que ele tinha sem ter participado. Ele estava embriagado e, depois de uma hora de conversa, ele confessou”, disse ao G1.

Passerini contou que uma testemunha havia encontrado com os dois horas antes do crime e relatou que eles foram sozinhos para o local onde o corpo foi achado.

Ainda conforme o delegado, o autor está preso em flagrante e pode ter a prisão convertida em preventiva, mas ainda deve passar por audiência de custódia. O Instituto Médico Legal (IML) ainda realiza exames para confirmar a real causa da morte da vítima.